Como colocar gesso no teto?

O teto em gesso contribui para deixar o ambiente sofisticado e moderno, oferecendo diversas possibilidades de decoração, uma vez que pode ser rebaixado e ter formas e curvaturas diferentes. Ele também permite embutir iluminação, instalar cortinas, facilita instalações hidráulicas e disfarça imperfeições.

Além de ser prático e econômico, o teto em gesso demanda menos tempo para instalação e por isso tornou-se a alternativa mais utilizada por profissionais de obra. A durabilidade também tende a ser maior quando comparada à de outros tipos de revestimento, pois basta saber escolher a tinta impermeabilizante que será passada depois da instalação.

No entanto, para usufruir dos benefícios desse material, é preciso que o profissional saiba como colocar forro de gesso de forma perfeita. Por esse motivo, preparamos este artigo com dicas valiosas para você não errar no serviço. Confira!

 

Quais são os principais tipos de gesso que existem?

Como já mencionamos, o gesso permite decorar o teto de diversas formas. Conheça, a seguir, as principais delas!

 

Rebaixado

Essa alternativa de decoração é a mais comum. Sua proposta é diminuir o pé-direito com um teto falso. O acabamento é liso e, geralmente, a estrutura é feita em linha reta. Além disso, esse tipo de forro permite a instalação de luz indireta, entre outros tipos de iluminação. O resultado é uma decoração clean, elegante e uniforme.

 

Sanca de gesso

Outra opção de forro que oferece um resultado muito satisfatório é a sanca de gesso. Essa técnica consiste em criar molduras, que podem ser retas ou curvilíneas, entre a parede e o teto. A iluminação indireta também pode fazer parte da decoração contribuindo, assim, para um resultado criativo e moderno.

 

Gesso removível

O gesso removível é muito utilizado em estabelecimentos comerciais, pois facilita a realização de mudanças na decoração. Essa alternativa é considerada mais prática e barata para quem realiza manutenções no teto com frequência.

 

Como instalar um teto de gesso perfeito?

O primeiro passo, é escolher o tipo do teto que será instalado. Ter isso em mente é fundamental para as próximas etapas. Veja só!

 

Preparação da parede

Nessa etapa, será feita toda a correção de imperfeições provocada por infiltrações, instalações malfeitas e assim por diante.

 

Marcação

Agora, chegou o momento de marcar o nível do forro de gesso nas paredes para definir onde serão instaladas a cantoneira, a guia ou a tabica. Esse processo pode ser feito com o auxílio de uma mangueira de nível ou com a ajuda de equipamento a laser. É preciso, também, medir a distância dos tirantes, fixação e modulação dos perfis, por meio de um cordão de marcação.

 

Fixação

Após estabelecer os níveis e conferir se estão corretos, você pode iniciar o processo de fixação. Nessa etapa, serão instalados os tirantes, os suportes niveladores e os perfis perimetrais nas linhas de marcação.

 

Amarração

Por fim, faça a amarração das chapas e finalize o acabamento cobrindo qualquer imperfeição ou parafuso com massa.

Como fica claro nesse passo a passo, para ter um resultado satisfatório, é preciso saber como colocar forro de gesso com perfeição. Além do conhecimento técnico, é preciso se atentar para a qualidade das ferramentas utilizadas durante o processo de instalação.

Agora que você já sabe tudo que precisa para iniciar sua obra, aproveite para acessar o nosso site ou ir em uma de nossas lojas e garanta todos os materiais que você precisa

Related Articles

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quem trabalha com reforma ou construção civil está sempre atento às mudanças de mercado. Por isso, desde 2005, a Ferreira Costa criou o clube do profissional, para capacitar os profissionais sobre as atividades tendências através de cursos e oficinas gratuitos.

Copyright © 1884-2020  ·  Ferreira Costa LTDA CNPJ n.º 10.230.480/0019-60  ·  Av. Mal. Mascarenhas De Morais, nº 2629/2967  ·  Imbiribeira, Recife, PE, CEP 51150-090