Conheça e use os tipos certos de cubas para banheiro

Na hora de fazer a reforma do banheiro, é preciso ter cuidado com todos os pontos para que o cliente não venha a ter futuras dores de cabeça. Uma obra mal feita pode gerar risco de acidente. Por isso é tão importante ter um projeto e profissionais capacitados para garantir a excelência no serviço. E um dos pontos que podem ajudar na hora de realçar a beleza do cômodo é a cuba. Existem muitos modelos disponíveis e é fundamental saber os tipos. Vamos lá?

Cubas de embutir

As cubas de embutir são consideradas mais delicadas e com modelos mais simples. Elas são caracterizadas por ficarem sempre por baixo da bancada (sendo escondidas pelo armário) e são indicadas para banheiros pequenos. Elas podem ser encontradas no mercado em vários modelos: quadradas, redondas, retangulares e ovais.

Cubas de apoio

Indicadas para os banheiros maiores, as cubas de apoio, ao contrário das cubas de embutir, são indicadas para banheiros grandes. Como o próprio nome sugere, elas ficam apoiadas totalmente em cima da bancada e chama a atenção no local. Mas atenção: é preciso ter cuidado na hora de instalar para que não fique desconfortável. Vale lembrar que a escolha da torneira também é fundamental. O recomendado neste tipo é uma que seja com uma bica alta.

Semiencaixe

Tipo de cuba que é utilizado em banheiros pequenos e que necessitam de bancadas estreitas. Ela é fixada por trás, deixando o resto da peça em evidência. As cubas brancas são as mais simples de serem encontradas. Além disso, possuem diversos tamanhos para adaptar de acordo com o tamanho da bancada. O ideal é colocar uma torneira de bica baixa.

Cubas de sobrepor

Parecido com as cubas de embutir, a de sobrepor conta com algumas diferenças. Pra começar, ela ocupa um espaço menor no móvel da bancada e são encaixadas por cima, ao invés de serem coladas. O modelo em questão pode ser usado em banheiros de vários tamanhos. No entanto, as torneiras mais indicadas são de bica baixa ou até mesmo as de parede.

Cuba de parede

As cubas de parede são fixadas diretamente na parede. Com isso, não há a necessidade de se usar uma bancada. No entanto, como o peso da cuba fica totalmente na parede, esse tipo requer mais cuidado e atenção à sua resistência. A torneira mais indicada, nesses casos, é a bica baixa (preferencialmente as que já vêm com a furação) ou a de parede. Indicada para banheiros menores.

Cuba esculpida

Podendo ser feita de vários materiais, ela tem a vantagem ao profissional de poder ter liberdade criativa. Além disso, pode ser feito com o mesmo material da bancada, garantindo, assim, uma uniformidade na cuba. Pode ser feita de granito, mármore, porcelanatos, entre outros tipos de materiais. A cuba esculpida ainda garante a possibilidade de esconder o ralo, o que facilita na hora de escoar a água. O tipo de torneira recomendado é o de parede nesses casos.

Com todas essas informações, é só ajudar o seu cliente a escolher o melhor tipo de cuba para o seu banheiro e aproveitar o máximo da beleza que a peça possui.

Related Articles

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Quem trabalha com reforma ou construção civil está sempre atento às mudanças de mercado. Por isso, desde 2005, a Ferreira Costa criou o clube do profissional, para capacitar os profissionais sobre as atividades tendências através de cursos e oficinas gratuitos.

Copyright © 1884-2020  ·  Ferreira Costa LTDA CNPJ n.º 10.230.480/0019-60  ·  Av. Mal. Mascarenhas De Morais, nº 2629/2967  ·  Imbiribeira, Recife, PE, CEP 51150-090